Carregando...
salario do medico

Qual o salário do médico especialista? Veja por áreas

Você que está na faculdade de Medicina caminhado para os períodos finais e o internato, conhece bem o quanto o curso exige. Muito estudo, noites de sono perdidas e dedicação para ser um profissional de sucesso. Por outro lado, são tantas as possibilidades que profissão oferece que pode deixá-lo confuso. Saber o salário do médico especialista também é outro ponto importante e que faz parte do processo de escolha. Claro que todos querem ser  bem-sucedidos na especialidade escolhida e na área que pretendem atuar. 

Entre as dúvidas, você já deve estar perguntando: vou montar meu próprio consultório,  trabalhar em clínicas ou hospitais particulares, na rede pública, empresas, cooperativas médicas, gestão, pesquisas… Enfim a sua escolha vai impactar diretamente na sua remuneração. 

Neste artigo, procuramos mostrar a remuneração média para os médicos residentes e os profissionais com maior experiência, além dos salários dos renomados hospitais do país, nas especialidades e tipos de ocupação com os parâmetros existentes no mercado. Continue lendo para que possa fazer a escolha certa, de acordo com o seu perfil profissional e o que espera para o futuro.

Taxa de empregabilidade perto dos 100%

A possibilidade de atuar em mais de um serviço médico interfere diretamente no salário do médico especialista. Tanto é que pesquisas apontam a Medicina com taxa de empregabilidade perto dos 100%, e o médico é o profissional como menor taxa de desemprego no Brasil, segundo estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – Ipea.

Existe um piso salarial para os médicos brasileiros?

Todo o ano, a Federação Nacional dos Médicos (FENAM) – entidade sindical que representa o trabalhador médico brasileiro e busca a defesa de condições de trabalho e remuneração da classe médica – divulga o Piso Salarial dos médicos para a duração de 20 horas semanais de trabalho e da Consulta FENAM.

Em 2019, o piso ficou estabelecido em R$ 14.619,39 e a Consulta FENAM R$ 179,45. Os valores são reajustados anualmente e servem para orientar as negociações coletivas da categoria. 

 O aumento é calculado segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O índice acumulado, em 2018, foi de 3,43%.

A FENAM recomenda que os referenciais integrem as pautas de reivindicações e sirvam de base para as ações coletivas e, em caso de negociação exitosa, as convenções e acordos coletivos de trabalho.

 Veja a evolução do piso estabelecido pela Fenam para um vínculo de trabalho:

Qual é o valor da bolsa de estudo para o médico residente?

Para os médicos residentes R1, o valor da bolsa de estudos estabelecido pelo governo atualmente é de R$ 3.330,43, em vigor desde 03/16. Algumas instituições já pagam acima do estabelecido como forma de incentivo, o que é permitido. Não há definição de data específica quanto ao dia de pagamento, no entanto, não pode se estender além do mês subsequente.

Algumas instituições pagam  valor maior. De acordo com o site Glassdoor,  em São Paulo a média salarial para o residente pode variar do valor mínimo da bolsa a R$ 9.000,00 com os benefícios

Qual o salário do médico especialista? Veja por áreas

De acordo com o Guia de Carreiras Catho, além do médico especialista existem outras funções exercidas pelo profissional médico com os respectivos salários. Você pode conferir na listagem abaixo algumas funções e especialidades médicas com as respectivas médias salariais no Brasil:

  • Gerente Médico: R$ 14.783
  • Coordenador Médico: R$ 10.780
  • Médico Auditor: R$ 8.343
  • Pediatra: R$ 7.338
  • Médico do Trabalho: R$ 7.242
  • Clínica Geral: R$ 6.617
  • Ginecologista: R$ 6.2014
  • Psiquiatra: R$ 5.869
  • Cardiologista: R$ 5.419
  • Médico Ultrassonografia: R$ 6.937
  • Médico Plantonista: R$ 1.676
  • Médico Endocrinologista:R$ 3.375
  • Cirurgião : R$ 7.114
  • Dermatologista: R$ 3 855
  • Geriatra: R$ 8.453
  • Médico Ambulatorial: R$ 5.543
  • Médico Visitador : R$ 2 142

Já o site Glassdoor também divulga a média salarial de algumas especialidades. Para a área de São Paulo, a média salarial das especialidades gira em torno de R$ 10.000,00.

Na área pública, maior empregador da Medicina com mais de 220 mil médicos que prestam atendimento ao SUS pode-se também ter bons salários e uma carreira de sucesso.Em instituições renomadas, como a Rede Sarah, um cirurgião geral pode receber um salário bruto de R$ 24.213,93 .

A EBSERH (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares) têm contratado, mediante concurso público e com salários razoáveis, médicos para trabalhar nos hospitais universitários federais. O salário dos concursos ficam entre R$ 10.000,00 e R$ 13.000,00, conforme editais divulgados. A empresa administra os hospitais universitários.

Os salários oferecidos pelo INSS giram em torno de R$ 9.000,00

Nos concursos de Prefeituras em todas as regiões do país, os salários variam, em média, de R$ 2.400,00 a R$ 20.000,00.

Já para o novo Programa do Governo Federal, Médicos Pelo Brasil, estima-se que o salário do médico poderá chegar a R$ 21 mil e contratação pela CLT.

Área da saúde em evolução contínua

A área da saúde é um mercado de trabalho aquecido. Dos mais especializados médicos aos técnicos encontram colocação com facilidade. Mesmo num mercado em crise, a saúde é prioridade da população que não abre mão dos cuidados. Aliados a isto, ainda há uma maior expectativa de vida do brasileiro.

O número de brasileiros acima de 65 anos deve quadruplicar até 2060. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que a população com essa faixa etária deve passar de 14,9 milhões em 2013, para 58,4 milhões de pessoas em 2060. Para alguns analistas, nem mesmo o fato de muitos brasileiros terem perdido o convênio médico houve redução do número de pacientes. O resultado disto são os consultórios lotados.

Com as inúmeras especialidades (54 reconhecidas pela AMB entre especialidades e áreas de atuação) é normal que quem está saindo da faculdade fique um pouco indeciso quando o caminho a seguir. Mas o seu perfil e área com que mais e identifica certamente fará de você um profissional de sucesso.

Médicos podem ter seu próprio consultório, trabalhar em clínicas e hospitais privados, atuar na rede pública de saúde, lecionar em universidades, exercer a função de pesquisadores em institutos e laboratórios, atuar como médicos do trabalho em empresas, como gestores em unidades de saúde ou uma combinação dessas possibilidades.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.